ampliar assessoria atendimento pscicologicoPT dia do municipioSINDUSCONprefeitura municipio santa rosa 86 anosMARCOS SCHERERfonsecajeferson fernandessindicato alimentaçãoPPOABtoda horaROTATIVOpsbvida & saúde 82 anosMETAMORFOSE NEUSA SCHEMMERseeb bancariosCAZEARTES PalletsPsicóloga Daniara Wolf Kerkhoffmantei advocaciakprixo lavagemliggueExpress Estúdio Fotográficorotativoposto royaleenphasecresoldom boscoMetalurgica Marks
Beto da Silva diz estar feliz em voltar ao Grêmio e promete empenho por vaga
Beto da Silva crê que retorna ao Grêmio mais experiente | Foto: Lucas Uebel / Grêmio / Divulgação / CP
Beto da Silva crê que retorna ao Grêmio mais experiente | Foto: Lucas Uebel / Grêmio / Divulgação / CP
Jogador de 20 anos revelou que pode atuar em todas as funções do ataque

O atacante Luiz Humberto da Silva, o Beto da Silva, foi apresentado como novo reforço do Grêmio para a temporada 2017, nesta terça-feira, no CT do Luiz Carvalho. O jogador peruano, mas que tem dupla cidadania e que atuou na base do Tricolor como volante e na atual função, garante ter retornado ao clube melhor preparado.

“Quando fiquei sabendo da oportunidade de voltar para o Grêmio fiquei muito feliz, pois atuei na base e era um sonho poder voltar a vestir a camisa do Tricolor. Quando me falaram, corri atrás para poder retornar”, declarou Beto, como deseja ser chamado. “A passagem (pelo PSV, da Holanda) foi boa. Aprendi bastante, principalmente, em termos táticos e técnicos. Melhorei muito como jogador. Não tive as oportunidades que eu queria, mas aprendi muito e estou preparado”, revelou o atacante.

Ao explicar as funções em que pode atuar, o jogador de 20 anos garantiu que é polivalente e pode jogar em qualquer posição do ataque. “Gosto de jogar perto do gol sempre. Posso jogar tanto dos lados, como na frente ou um pouco mais atrás. Sempre procuro o gol. Posso fazer a função por fora ou o ida e volta muito bem também”, afirmou Beto da Silva.

A opção de sair da categoria de base do Tricolor e se transferir para o Sporting Cristal foi motivada por problemas particulares, mas fizeram o atleta alcançar a seleção nacional peruana e ganhar destaque no futebol mundial. “Joguei de atacante e de volante. Mas tive muitos problemas familiares e quis buscar novas oportunidades no Peru. Acho que fiz bem, pois melhorei muito o meu futebol e hoje estou aqui de novo”, disse o atacante.

A direção gremista revelou que as três partidas na seleção principal do Peru e as nas categorias de base foram determinantes para a contratação. “Conhecemos o Beto por alguns jogos na seleção do Peru, mas, efetivamente, passamos a estudar melhor quando o Baideck apresentou a possibilidade dele vir para o Grêmio. Foi analisado e começamos um trabalho para efetivar a negociação. Foi árduo, chegou a um momento que achamos que não viria mais, mas, por fim, tivemos sucesso. O Beto e o Leonardo são apostas, mas com boa possibilidade de êxito. Espero que no final do ano o Renato (Portaluppi) diga que o Beto foi indicação dele também”, afirmou Odorico Roman.

O Grêmio realiza nesta terça-feira trabalhos físicos na sala de musculação e no gramado do CT. No próximo sábado, às 16h30min, o Tricolor enfrenta o Aimoré, no segundo jogo-treino da temporada.

Fonte CP

Pesquisar no site
RW AUTO SOM
amgsr
mugicada paz
cine globo
climatizar